Os livros das histórias perdidas: Trem

Dias de muito trabalho feliz! \o/ Sábado 11 de novembro estarei na Feira Miolo(s) com os primeiros exemplares da minha publicação “Os livros das histórias perdidas: Trem”, um projeto desenvolvido no curso da Escola Miolo(s). Estarei na mesa da escola com outros artistas e projetos muito bacanas! A feira é na Biblioteca Mário de Andrade das 11 às 23 hs. #feiramiolos 
https://www.facebook.com/events/1382624781774816/

Os livros das histórias perdidas são microcontos poéticos que descrevem a ensação de um relato que eu perdi. Eles partem da lembrança de um momento dessa arração e resgatam a emoção que ele gerou. São contos dos quais esqueci o nome, finais de filmes que lembro mas não reconheço, são histórias presas que precisam sair, reminiscências de uma ficção que nem sei se existe. Eles têm a forma de livro pop up de uma cena e convidam a jogar: talvez alguém consiga reconhecer a obra e possa falar o nome que escapou da memória.